Chilli con carne

by O Comilão

Depois da versão simplificada, com o Chilli chouriço, teríamos de vos dar uma receita da versão complicada de Chilli con carne. É verdade, dá mais trabalho e demora mais tempo que o Chilli a que provavelmente estão habituados mas, na cozinha, aquele esforço extra é quase sempre recompensado.

Esta receita tem duas coisas que fazem dela especial, apesar de nenhuma delas ser uma grande novidade ou invenção nossa. Primeiro, e como não sou grande fã da combinação de carne picada e arroz, substituí por pedaços de carne para estufar. Depois, e como deveria ser o desígnio de todos nós, respondi que sim à possibilidade de adicionar chocolate.

  • Num tacho, começa-se por fritar (selar) em azeite selar 500g de carne de novilho para estufar. Frita-se de todos os lados até ganhar alguma cor, retira-se para um prato e tempera-se com sal;
  • Pica-se meia cebola, a mesma quantidade de pimento vermelho, meia malagueta e adiciona-se ao tacho. Vai-se mexendo para absorver aquela caramelização da carne que ficou agarrada ao fundo;
  • Quando a cebola e o pimento estiverem amolecidos, junta-se 2 dentes de alho picados, 1 colher de chá de paprika fumada, outra de cominhos, uma pitada de pimenta cayenne, 1 colher de sopa de pasta de tomate e mexe-se;
  • Junta-se 1 lata de tomate pelado, bem picado e tempera-se com sal, pimenta preta e um pouco de açúcar;
  • Depois de ferver 1 minuto ou 2, volta-se com a carne para o tacho e alguma água, sem tapar totalmente a carne;
  • Tapa-se, mete-se o lume em médio-baixo e deixa-se borbulhar lentamente durante 1 hora e meia ou 2 horas;
  • Quando a carne se estiver a desfazer começa o trabalho a sério, seus mandriões. Neste ponto, lá está, desfaçam a carne. Se ajudar, tirem-na do tacho, desfaçam em fios, e voltem a colocar no tacho;
  • Mexe-se e neste momento tudo muda. O molho fica cremoso e ganha uma cor tão rica que o vosso escalão de IRS vai subir;
  • Adiciona-se 400g de feijão vermelho ou preto e deixa-se cozer mais 15 minutos;
  • Depois, vem a pièce de résistance: junta-se 1 quadrado de chocolate preto (70% no mínimo), volta-se a tapar e deixa-se repousar 5 minutos;
  • Mexe-se e serve-se com arroz branco e tortillas.
Conselhos de Comilão
  1. Tenham o cuidado de tirar da carne aquela gordura mais grossa ou plástica, porque não se vai desfazer na cozedura.
  2. Nunca encham completamente o tacho quando estiverem a selar carne. Façam em duas vezes, se for necessário.
  3. A paprika fumada encontra-se nos hipermercados, mas se tiverem só pimentão doce, por exemplo, também fica bem, mas fica-lhe a faltar aquele toque fumado que faz muita diferença.

Chocolate e carne só é estranho até à primeira garfada e, se se estão a questionar se deviam juntar chocolate nalguma coisa, está na altura de procurarem ajuda especializada. O chilli con carne é, para além disso, o prato perfeito para um piquenique. Guardem esta receita, porque em breve, esperamos, vão precisar dela.

Também podes gostar

1 comment

Leite Creme de Chocolate – Os Comilões 3 de Maio, 2020 - 11:15

[…] Carne […]

Reply

Leave a Comment