Bolo de cenoura com especiarias

by acomilona

Era época de Natal e estava um dia daqueles frios mas solarengos. Fui almoçar com umas amigas ao Brick dos Clérigos (no Porto) e pedi bolo de cenoura para sobremesa. A minha vida nunca mais foi a mesma.

Sabem quando estão à espera duma coisa que até acham que vai ser boa, mas depois sai algo life changing? Bem, eu sei que vocês podem achar que estou a exagerar e se calhar até já estão fartos de comer bolos de cenoura com especiarias, mas até há 2 anos atrás eu só conhecia aquele bolo de cenoura que sabia a cenoura e… pronto… tinha a sua humidade… e o seu encanto comedido e simpático. Quem se lembrou de juntar especiarias neste bolo merecia uma estátua.

A Receita

  • Bater 2 ovos com 140 g de açúcar amarelo e 80 mL de azeite extra virgem.
  • Juntar 1 colher de chá rasa de canela, meia colher de gengibre em pó e 3 cabeças de cravinho-da-Índia moídas. Juntar também 100 g de farinha e 8 g de fermento em pó. Envolver com uma espátula.
  • Lavar, descascar e ralar 200 g de cenoura. Partir grosseiramente 30 g de nozes. Juntar as cenouras e as nozes à massa, envolvendo com uma espátula.
  • Levar a forno pré-aquecido a 180 ºC, numa forma bem untada com manteiga e farinha, por 20 minutos.
  • Deixar arrefecer e cobrir / rechear com creme de queijo: bater, até obter uma mistura homogénea, 125 g de queijo creme (philadelphia ou mascarpone) com 60 g de manteiga amolecida à temperatura ambiente, 180 g de açúcar em pó e sumo de meio limão ou lima. Decorar com nozes, pistáchios ou raspa de lima.

Não inventem nesta receita, por favor. Está tudo otimizado para vos dar um conjunto de sensações que nem vocês sabiam que podiam sentir. Usem mesmo o açúcar amarelo que vai dar o doce mais caramelizado e profundo à massa; usem mesmo o azeite extra virgem, que não traz ácido nem paladar gorduroso ao bolo; e ralem mesmo vocês a cenoura, porque aquela já ralada dá um paladar a mofo (já experimentei e o tempo que se perde a ralar as cenouras compensa).

Muito importante: este bolo fica ainda melhor dum dia para o outro!!! É surpreendente como os sabores se aprofundam e a massa continua macia, fofa e húmida. Façam o bolo num dia e coloquem a cobertura no dia seguinte para servir. Vale a pena a espera. Preparados para mudarem as vossas vidas?

Também podes gostar

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments