Nuggets de frango com molho de tomate

by O Comilão

Uma das coisas de que me lembro algumas vezes quando penso em culinária, é de uma experiência que o Jamie Oliver fez com um grupo de crianças em que lhes mostrou todas as entranhas que levam os nuggets dos restaurantes de fast-food. As crianças viram mas quiseram comê-los logo a seguir na mesma.

Não vou dizer que estes nuggets caseiros são melhores do que os do McDonald’s, mas o que são é muito mais crocantes e sabem mesmo a frango. Para os acompanhar, trazemos de volta o nosso ultra-versátil molho de tomate, que publicámos numa receita há já 1500 anos (sensivelmente).

Para o molho de tomate, podem ver a receita aqui, mas vou recapitular:

  • Aquece-se um tacho em lume médio. Pica-se finamente 1 cebola média e junta-se ao tacho com um fio de azeite;
  • Tira-se o tomate pelado de uma embalagem e pica-se com uma pitada de sal e orégãoes até ficar bem triturado;
  • Quando a cebola estiver caramelizada (cerca de 10 minutos), junta-se alho picado e, passado 1 minuto, o tomate. Deixa-se refogar em lume médio-baixo mais 10 minutos.

Para os nuggets:

  • Metam óleo a aquecer em lume médio-alto numa fritadeira ou num tacho;
  • Prepara-se 3 recipientes: o 1º com farinha + uma pitada de sal + paprika + açafrão das índias + alho moído + orégãos + pimenta cayenne e mistura-se; o 2º com ovo batido; o 3º com meia parte de pão ralado + meia de panko (o pão ralado japonês) e mistura-se;
  • Corta-se o frango em tiras, tempera-se com sal;
  • Passa-se pela farinha, deixando só uma fina camada; depois pelo ovo, escorrendo bem; de seguida pelo pão ralado;
  • Frita-se até estar dourado e tira-se para um prato com papel absorvente.
Conselhos de Comilão
  1. Se quiserem extra crocante, depois de passar no pão ralado, passem outra vez no ovo e de seguida no pão ralado. Se quiserem ainda mais crocante, passem outra vez, e repitam até ter um nugget que é tão crocante que precisam de proteger os vidros quando o trincarem.
  2. Podem acompanhar com ketchup, maionese ou outro molho qualquer, mas com este de tomate caseiro, a ligeira acidez do tomate complementa melhor o sabor a frito.

Há mil e uma formas de fazer nuggets. Se calhar até há mais, não estive a contar porque tinha umas coisas a queimar no forno. Todos podem ser bons, quer sejam fritos, feitos no forno, com buttermilk ou com uma polme, mas não tentem é convencer crianças de que são melhores do que os que levam miudezas da carne, porque aquilo é uma forma de pessoa muito peculiar.

Também podes gostar

Leave a Comment