Queques de maçã e canela

by acomilona

Estes queques são ideais para dar um objetivo àquelas duas maçãs perdidas no prato da fruta que, apesar de ainda estarem boas, já estão um bocadinho encorrilhadas e já ninguém lhes pega. Muito à semelhança de como nos podemos sentir às vezes, num dia mau. Mas depois passa.

E assim como nos passa a nós, também passa às maçãs, quando percebem – todas contentes – que afinal a vida delas tem um objetivo bem doce.

A Receita

  • Começar por deixar 70 g de manteiga a amolecer à temperatura ambiente (se quiserem dar uma ajudinha, 20 segundos no microondas também dá).
  • Descascar 2 maçãs pequenas, retirar o caroço, e partir a polpa em cubinhos.
  • Regar as maçãs com sumo de meio limão e reservar.
  • Numa taça, bater 2 ovos inteiros com 125 g de açúcar até obter uma mistura muito arejada e com o dobro do volume.
  • Juntar 1 iogurte natural e a mateiga amolecida e bater de novo.
  • Juntar 150 g de farinha, 1 colher de sobremesa de fermento e 1 colher de café de canela (ou mais, ou menos – de acordo com o vosso gosto por canela). Bater novamente até obter uma massa homogénea.
  • Dividir a massa em formas individuais ou formas anti-aderentes para queques como a nós usamos (vejam nas fotos).
  • Colocar por cima de cada queque 5 cubinhos de maçã e enterrar na massa (para as maçãs não queimarem).
  • Cozer os queques em forno pré-aquecido a 180 ºC até que fiquem dourados.

Tendo em conta a forma que usamos para os queques, a receita deu para 12 unidades. Para terem um tempo para se guiarem, os queques ficaram prontos em 12 minutos. No final, com eles ainda quentes, pincelei cada um com geleia de morango caseira para lhes dar brilho e um bocadinho mais de personalidade. No fundo, é como pôr um batom e um perfume nas maçãs, para que elas se sintam bem valorizadas.

Também podes gostar

Leave a Comment