Panquecas de requeijão e leitelho

by O Comilão

Sabem quando dizem que o ingrediente especial nas receitas é o amor? Neste caso, amor traduz-se para leitelho, um dos mais versáteis ingredientes que podemos ter em casa.

Estranhamente, e tendo em conta que é um produto que se obtém quando se faz manteiga, o leitelho não é muito fácil de encontrar nos nossos supermercados. “Mas isto é uma receita de panquecas ou de leitelho, raio de rapaz?”, perguntam-me os leitores com razão. Vamos a ela então.

  • Separam-se 2 ovos e batem-se as gemas com 2 colheres de sopa de açúcar;
  • Junta-se 120g de leitelho e mexe-se;
  • Entra agora 120g de requeijão e mexe-se até estar bem incorporado;
  • Peneira-se 120g de farinha, 6g de fermento (baking powder) e meia colher de chá de sal;
  • Incorpora-se sem mexer muito, para que a farinha não desenvolva muito o glúten, senão ficam com panquecas elásticas;
  • Bate-se as 2 claras em castelo e incorpora-se na mistura;
  • Numa frigideira anti-aderente deita-se para lá quanto se quiser, com ou sem manteiga ou óleo. Vira-se e come-se com fruta, maple syrup, iogurte, gelado, chocolate ou com o que houver, eu sei lá.

Conselhos de comilão:

  1. Se não estiverem para procurar ou comprar leitelho, façam em casa. Basta juntar 1 colher de sopa de ácido (limão ou vinagre) a uma chávena de leite e esperar uns 10 minutos até talhar.
  2. O baking powder é essencial para o leitelho fazer a sua magia. Se usarem leite, cortem para metade no fermento.
  3. Não batam as claras até ficarem a parecer icebergs. Parem um pouco antes, para que seja mais fácil de envolver e assim não terem de mexer tanto a massa.

Panquecas é a receita mais fácil de fazer do mundo e digo isto sem pensar muito. Se calhar é a 4ª mais fácil, não vou estar a contar não é? Basta juntar 1 chávena de farinha, 1 de leite, uma colher de açúcar e 1 ovo. Mas depois muda-se o leite por leitelho e tudo fica cheio de bolinhas e suave, ou separam-se os ovos, ou junta-se requeijão ou queijo fresco para dar um toque salgado…..e tudo começa a fazer mais sentido e começamos a pensar que podemos viver só a saber cozinhar panquecas.

Também podes gostar

Leave a Comment